Briefing: o que é e o que você precisa saber sobre ele

O Briefing tem uma grande importância para um marketing de conteúdo de sucesso e para manter uma boa comunicação com o cliente. Ele é a ferramenta através da qual você conseguirá manter um relacionamento saudável com seu cliente, para que ambos fiquem satisfeitos.

Para que você possa compreender bem o que significa esse conceito tão comum na publicidade, vamos explicar os seguintes tópicos nesse artigo:

  • O que é briefing
  • Qual é a importância do briefing para a empresa
  • Quais são os itens básicos que devem ser abrangidos pelo briefing
  • Como elaborar um bom briefing

Acompanhe esse conteúdo e aproveite todas as vantagens que o briefing oferece!

O que é briefing?

o que é briefing?

Você já assistiu um filme de guerra no qual o líder indica no mapa as ações que os soldados devem fazer para executar a estratégia? O mapa usado pelo líder nada mais é do que um briefing, que contém informações objetivas para que a melhor estratégia seja adotada. Assim sendo, o briefing permite que duas ou mais pessoas acessem informações que um interlocutor quer transmitir com clareza e objetividade.

O briefing tem como objetivo principal compreender quais são as dificuldades que o seu cliente enfrenta em determinado momento, e o que ele visa através dos serviços que a sua empresa tem para oferece-lo. Na esfera do marketing digital, um briefing contém todos os dados que o cliente entrega a uma agência de marketing para que ela desenvolva um trabalho de acordo com os seus objetivos e expectativas.

Para elaborar um bom briefing, é preciso que o mesmo contenha as seguintes informações:

  • Quais os objetivos da empresa;
  • Quais os objetivos do cliente;
  • Os detalhes do produto do cliente;
  • Qual é a área de atuação do cliente;
  • Qual é o perfil do consumidor;
  • Qual é o cenário atual.

Percebeu que esses pontos são bem objetivos? O briefing de valor não pode ser extenso, devendo conter apenas os aspectos principais da empresa.

Qual é a importância do briefing para a empresa?

qual é a importância do briefing?

Possuir um bom briefing é tão importante quanto conhecer as técnicas de vendas ou descobrir como atender os seus clientes nas redes sociais. Quando produzido de forma correta, o briefing diminui a quantidade de retrabalho, já que você terá muito mais conhecimento sobre o produto que o cliente desenvolve.

Entretanto, suas vantagens vão muito além disso. Confira as 4 principais vantagens do briefing:

Vantagem #1: Organização

O briefing visa reunir as informações mais importantes sobre a empresa do seu cliente, o que se mostrará como uma grande vantagem na hora de escrever um texto ou produzir uma peça publicitária.

Para que o briefing cumpra com o seu papel, é vital que as informações nele inseridas sejam claras. Se não o forem, a pessoa que acessará o documento não compreenderá o que deve ser destacado.

Vantagem #2: Inspiração

Quando a sua equipe desconhece a história e missão do seu cliente, a produção poderá ficar rapidamente estagnada. Jamais produza um trabalho para simplesmente apresenta-lo ao cliente!

Com um briefing, você não precisará mais contar com a “sorte” no momento da aprovação do seu trabalho. Assim sendo, o briefing serve como forma de inspiração, para que você realize um trabalho com o objetivo de entregar ao cliente algo de qualidade que o ajudará a alcançar os objetivos da empresa.

Vantagem #3: Trabalhos de qualidade

A inspiração do seu time de marketing através do briefing faz com que os objetivos do cliente sejam atingidos com muito mais precisão. Isso aumenta a produtividade da equipe e a satisfação do consumidor, com resultados de alta qualidade.

Vantagem #4: Planejamento

O briefing ajuda tanto a compreender melhor o trabalho de um cliente, quanto a fazer com que a sua agência siga um planejamento conciso e organizado. Com um processo definido, o projeto será finalizado de forma focada e conforme a definição prévia. A grande vantagem disso é que o seu cliente perceberá que a sua empresa é organizada e sabe o que está fazendo.

Para que você possa maximizar seus resultados e obter todos os benefícios que o briefing pode trazer, vamos mostrar quais são os principais itens que ele deve conter. Acompanhe!

O que um briefing deve conter?

o que um briefing deve conter?

O briefing é uma peça importante na sua relação com o cliente, motivo pelo qual ele não pode ser desenvolvido de qualquer forma. Veja quais são os principais itens que devem ser abrangidos pelo documento:

  • Objetivos do projeto: Com a delimitação dos objetivos do projeto você compreenderá o que o cliente busca através dos seus serviços. É fazer um blog? Gerar mais leads para o seu negócio? Implantar uma nova marca? Com essas indicações será possível gerar bons resultados e desenvolver bem a sua persona (já leu o conteúdo sobre a importância da persona no marketing digital, certo?!).
  • Orçamento: O orçamento disponível para executar o projeto deve ficar claro, já que você poderá desenvolver um serviço adequado às possibilidades do cliente. O ideal é ajustar o projeto ao orçamento, sem que se perca a qualidade do serviço.
  • Prazos: O prazo é essencial para que ambas partes se organizem para a finalização do projeto. Esse item é essencial para que o cliente saiba que determinadas ações podem levar algum tempo até gerarem frutos, como a criação de um blog ou campanhas de leads. O prazo também é importante para que o cliente tenha a oportunidade de pedir mais urgência em algum item, como a produção de uma peça gráfica, por exemplo.
  • Públicoalvo: O público-alvo é essencial para que a campanha seja direcionada de forma adequada. É importante saber o gênero, a idade média, a classe social: todos esses dados são importantes para a criação de textos para os blogs, por exemplo. Se a empresa não tiver clareza sobre seu público-alvo, ela poderá definir quem seria seu consumidor ideal, quem é a pessoa que costuma adquirir os produtos e serviços da empresa. Com essas informações é mais fácil definir, até mesmo, a persona do negócio.
  • Escopo do projeto: O escopo do projeto é fundamental para o planejamento e execução das estratégias de marketing digital. Um escopo pode ser a educação do público sobre o produto que a empresa vende, o que será feito através de postagens de conteúdo em um blog, por exemplo. O marketing de conteúdo é muito valioso, explore-o!
  • Portfólio: Se o cliente possuir materiais como panfletos, logo, fotos de produtos e qualquer outro material relevante, é importante que esse conteúdo seja anexado ao briefing. Isso é fundamental para que você possa entender melhor a empresa e o que ela busca.
  • Estilos: Cada cliente tem um estilo próprio: clean, moderno, vintage, entre tantos outros. Conhecer o estilo do cliente é necessário para que o resultado saia como ele espera e para que se evite o retrabalho.
  • Objeções: Por fim, é importante incluir aquilo que o cliente não quer. Nesse item, cada caso deve ser tratado individualmente, já que o que um cliente pode querer, o outro pode refutar. Isso inclui cores, imagens, abordagens e tudo o mais que for importante destacar.

Um briefing que aborde os itens acima destacados tem grandes chances de sucesso, levando a um resultado satisfatório para ambas as partes!

Como elaborar um bom briefing?

como elaborar um bom briefing?

Um briefing bom é um documento objetivo e que contém apenas as informações que irão impactar na estratégia. Para desenvolver um conteúdo excelente, siga essas dicas:

Dica #1: Escolha a pessoa certa

Para que o conteúdo seja preciso e objetivo, é preciso que ele seja transmitido pela pessoa certa. Essa pessoa pode ser um gerente, o dono da empresa, o chefe de vendas: o importante é que a pessoa tenha um vasto conhecimento do negócio e as informações necessárias.

Essa pessoa deve ser capaz de transmitir os seguintes dados:

  • Pesquisa de mercado;
  • Faturamento anual;
  • Cenário da empresa nas redes sociais;
  • Tiquete médio;
  • Número de funcionários da empresa.

Dica #2: Faça reuniões

Para um briefing completo, é prudente manter reuniões de alinhamento. Para que sejam eficientes, devem ser curtas e bastante produtivas! Elabore um documento com as perguntas que precisam de respostas e procure não desviar a conversa, para que você saia do encontro com todas as informações em mãos e sem perder horas preciosas do seu dia.

Dica #3: Busque a simplicidade

Não produza um briefing recheado de termos técnicos que, ao fim e ao cabo, são desnecessários. Isso pode afetar a criatividade e deixar o texto cansativo. A simplicidade deve ser a característica inerente ao briefing!

Dica #4: Participe do processo

Durante o desenvolvimento do briefing, participe ativamente questionando e dando sugestões. Se você adotar essa postura, evitam-se interpretações equivocadas e desperdício de tempo, já que você compreenderá todo o documento.

Compreendeu o que é um briefing e a importância dele para aprimorar a comunicação com o cliente? Aplique hoje mesmo as dicas e otimize seu trabalho!

Aproveite para descobrir como um Call to Action bem estruturado pode maximizar seus resultados no marketing digital, otimizando suas estratégias para o sucesso!

Bruno Gomes Dias

Bruno Gomes Dias

Criador do blog Dose de Marketing, ajuda Pequenas e Médias Empresas a utilizarem o Marketing Digital da forma correta para gerar negócios por meio da internet.

Ler mais